Que qué isso, amigo Luciano Pires:

Eduardo Mamcasz, repórter da Rádio Nacional da Amazônia e amigo de longa data, está em Salvador (BA) acompanhando o 2º Congresso Brasileiro de Controle Público. Muita gente boa está lá. Mamcasz é o primeiro da lista.

Rasgação de seda à parte, o inquieto colega destaca na Agência Brasil a palestra feita pelo secretário-executivo adjunto do Ministério do Planejamento, Francisco Gaetani, nesta quarta-feira. Conforme relato do repórter, Gaetani disse que “a modernização do Estado é uma obra inacabada e é ela que vai destravancar o Brasil”.

Destaca o enviado especial:

“O controle público, de acordo com Francisco Gaetani, deve ser feito levando em contra outros aspectos da administração, porque, segundo ele, “o serviço público não é uma trincheira isolada da sociedade”. Outras dificuldades indicadas pelo secretário-executivo do Ministério do Planejamento e que atrapalham a modernização são “as estruturas obsoletas” que ainda persistem. Ele disse que o trabalho está começando pelas questões financeira e legal do Estado.”

O encontro na Bahia aproveita o embalo para discutir o anteprojeto de lei da nova administração pública, assunto já abordado aqui no blog e também no Correio Braziliense.

Veja aqui o estudo completo do secretário-executivo-adjunto do Ministério do Planejamento apresentado aos participantes do congresso.

Visite o blog do meu amigo prossifional:

http://www.dzai.com.br/servidor/blog/servidor

 

Anúncios