Tem um post meu falando o mau das estagiárias. Neste outro caso, eu pecador me confesso. E nem peço perdão. Recomendo o blog Meu Céu do Mundo. Ela trabalha, calada, perto de mim, nas manhãs fúnebres da Rádio Nacional. E que nem eu, ela é partícipe da campanha em defesa do diploma de nível superior para jornalista, embora tropece em chefe que assim não o seja.

(espaço para foto)

A estagiária em questão ainda por cima escreve assim, ó, mano estulto mané:

1 – Sou uma dmiradora dos que contestam (não pelo simples prazer de ser “do contra” mas pelo exercício árduo de pensar por si)…

2 – Jornalirista  sabe que o mundo anda doido, que as pessoas têm tanto medo que acabam se juntando às multidões para não se sentirem anônimas. Acontece que aí é que elas se tornam mais solitárias.

3 – O meu maior temor, de fato, é tornar-me mais uma nesse neurótico martelar de teclas que as multiplicam, todas iguaizinhas, como fábrica louca de fazer sentimentos.

Fica com medo não mea fia.
E quem quiser souber dela, clique aqui, ó:

 http://lunnadispersi.blogspot.com/

Anúncios