Saiu hoje o resultado das notas para a promoção anual dos funcionários públicos da Rádio Brazil.

                       Silêncio de cão.

                       Com isso, cada um soube qual a nota (ou a média) dada pela chefia imediata (e quem é ela, para os que não sabiam).

                         Silêncio de cão.

                        Ao contrário da falida Radiobrás, com a promoção 360 graus (que deu até 17 letras para apadrinhadas), agora a chefia não justifica nada.

                       Por outro lado, ela também deixa de ser notada (notificada?) pelo subalterno imediato.

                         Silêncio de cão.

                      Ainda mais que, na semana que vem, será publicada a lista dos que terão duas promoções, por terem recebido nota acima de nove (média da alta nota, do funcionário, e da auto nota, da chefia imediata).

                       Tudo muito bunito.

                       Até demais.

 

Anúncios