Mas ganham menos do que os homens.

Os números divulgados pelo Caged-Rais,

do Ministério do Trabalho,

confirmam os do IBGE.

As mulheres, apesar do avanço no mercado de trabalho,

continuam ganhando menos,

no mesmo tipo de trabalho.

Mas a diferença vem diminuindo a cada ano.

Será?

No Brasil, as mulheres são mais da metade da população, estudam mais que os homens,  têm menos chances de emprego e ganham menos  trabalhando nas mesmas funções. Isto de acordo com o IBGE. Agora,  foi divulgado o número de vagas de trabalho criadas no ano passado. Mas a prosa de hoje de mulher.   E comemorar por que? Por causa dos números do Caged e Ráis. Vamos nessa

* * * * *

Ah… Caged é o Cadastro Geral dos Empregados e Desempregados. Ráis é a Relação Anual de Informações Sociais. Tudo muito bem detalhado. Informa, por exemplo, que o mercado hoje no Brasil é ocupado 58 por cento pelos homens e 42 por centos pelas mulheres que, aos poucos, ganham terreno. Palavra do diretor de emprego do Ministério do Trabalho, Rodolfo Torélli.

Então me ouça, pessoa

 http://soundcloud.com/mamcasz/mulher-mais-instru-da-mas

Anúncios

Ótima notícia, não é não?  NÃO!!! A  proporção continua maior para o lado masculino de inserção no trabalho, ou melhor, na População Economicamente Atica (PEA). E no salário, ganho, chefia.

Os 144% de aumento de mulheres no trabalho, ou 9%  de crescimento na proporcionalidade, são apenas da América Latina e Caribe, que perderam apenas para a África do Norte e Oriente Médio.

Agora, presta muita, mas muita atenção, nas CAUSAS que levaram a este crescimento no número de mulheres no PEA. Leia duas ou mais vezes e depois escute o áudio no link abaixo.

 “ Os motivos pelos quais as mulheres em geral, e sobretudo as casadas, mergulharam no trabalho pago não tem relação necessária com sua visão social e dos direitos das mulheres. Talvez se deva à pobreza, à preferência dos patrões por elas serem mais baratas e mais dóceis, ou simplesmente ao crescente número – sobretudo no mundo dependente – de famílias chefiadas por mulheres.”

Página 25 do livro Mundo em Crise- a libertação e o abandono de uma sociedade, ao citar  Hobsbawn, 2006, p. 305-307.

Pois agora meu ouça. Clique abaixo.

http://snd.sc/NwzOqh


Script para o Dia Internacional da Mulher

8 de março de 2012  

Tec/ Vinheta Abertura – Trocando em Miúdo – Eduardo Mamcasz

 Loc/ Oito de março de 1857. Nova Iorque. Operárias entram em greve numa fábrica de tecidos.  

 Loc/ “Nós, mulheres unidas, exigimos: redução  imediata  de dezesseis para dez horas de trabalho  por dia.”

 Loc/ O governo chega. A polícia tranca a fábrica. Tasca fogo.  E queima, vivas, cento e vinte e nove mulheres resistentes.

Clique Abaixo e Ouça 

 http://snd.sc/wieMe3

Tec/ sobe/desce bg tambor africano.

 Loc/ Cento e dezoito anos depois da greve, a ONU decreta: Dia Oito de Março é o Dia Internacional da Mulher.

Tec/sobe/desce  bg coro africano.

 Loc/ E aqui, no nosso Brasil? 1932. A mulher brasileira, finalmente, consegue votar. Um ano depois,  na  Assembléia Nacional Constituinte, o povo elege duzentos e treze deputados … e apenas uma  mulher.

Loc/ Então,  um viva para a paulista Carlota de Queiroz.

Tec/ bg aplausos

Loc/ 1822. A regente interina, Maria Leopoldina, escreve ao imperador e exige:

Loc/  “Amado esposo, Pedro primeiro. Sejas homem: Independência ou Morte!”

Tec/ bg coro africano.

Loc/ Independência ainda distante de milhares de mulheres. Elas recebem menos do que os homens, no mesmo tipo de trabalho. E tem mais. A Organização Internacional do Trabalho informa:

Loc/ A mulher negra recebe vinte e cinco por cento menos do que a mulher branca, no mesmo tipo de trabalho.   Então,  neste Dia Internacional da Mulher, um viva para Anastácia, princesa africana, nascida num navio negreiro e futura escrava no Brasil.

Tec/Sobe/desce bg palmas.

Loc/ Um viva para Aqualtune, filha do rei do Congo, avó de zumbi dos Palmares, a comandante  de dez mil querreiros.

Tec/Sobe/desce bg palmas.

Loc/ Um viva para Francisca, minha rainha, líder da revolução dos negros muçulmanos, em Salvador da Bahia, em 1814.

Tec/Sobe/desce bg palmas.

Loc/  Falta muito para esta data  ser comemorado de verdade.

Loc/ Pesquisa do Instituto Patrícia Galvão confirma: metade da população brasileira conhece  uma mulher  que já foi … ou está sendo …  espancada pelo companheiro.

Tec/ Trecho do spot chega de calar diante da violência.

Um beijo em ti, Mulheraça!

Tu mostras os peitos

e alimentas a vida

na imensa fome

… de amor. 

* 

Dois beijos em ti, Mulheraça!

Tu suas as ancas,

colhes o feijão do dia,

e em casa és a chefe

… de família.

*

Três beijos em ti, Mulheraça!

Tu levas um murro

e devolves sussurro

no berço onde és pétala

… de flor.

*

Mulheraça!

Tu sustentas filho, marido, cachorro.

Mas Tu te lembras da  imagem

de mulher mais bonita

… do mundo?

Neste teu Dia internacional, Mulheraça,

Um beijo

Do tamanho de tua precisão.

*

( De Brasília, Eduardo Mamcasz,  Poeta Quase-Zen )

 


Começando pela influência do PEA feminino na composição do PIB. Traduzindo. PIB é a soma das riquezas, bens e serviços produzidos.

No Brasil, ano passado, isto saiu agora, pelo IBGE, oficialmente, o PIB é de quatro trilhões e pouco de reais. Pois preste atenção no cálculo do Cedaw, vou falar o nome em brasileiro. Comitê de Eliminação da Discriminação contra as Mulheres.

No Brasil, 40 por cento da População Econômica Ativa, PEA, feminina, são chefes de família. Ou seja, são responsáveis pelo crescimento do PIB. Que é a soma de todas as riquezas, e tal.

Clique e ouça

http://www.radioagencianacional.ebc.com.br/materia/2012-03-07/mulher-que-trabalha-ganha-poder-de-decis%C3%A3o-e-passa-chefiar-40-por-cento-das-fam%C3%ADl


Semana da Mulher

Eduardo Mamcasz 

Título:

Continua grande a diferença salarial homem-mulher no Brasil

Chamada:

 Segundo o Fórum Econômico Mundial, entre 134 países divulgados, o Brasil ocupa a posição de número 114 entre os que apresentam as piores diferenças salariais entre homens e mulheres. Na média, passa dos 30 por cento.

Ouça:

http://www.radioagencianacional.ebc.com.br/materia/2012-03-06/pesquisa-confirma-grande-diferen%C3%A7-salarial-homem-e-mulher

 

Script:

Tec/ Vinha Abertura Trocando em Miúdo

Tec/ BG Mulher Rendeira

Loc/ Ontem, a prosa nossa foi da renda da mulher. Hoje, a gente toca na diferença que existe entre ela e o homem. Muito boa para esta Semana Internacional da Mulher. Porque um dia é pouco, já falei. Primeira diferença. Fórum Econômico Mundial. Dos 134 países pesquisados, ocupa a posição de número 114 entre os que apresentam as piores diferenças de salários pagos para homens e para mulheres. Pior para elas, lógico, né?

 Tec/ BG mulher rendeira

Tem mais. Se a prosa ficar em cima do estudo publicado pela Confederação Internacional de Sindicatos, feito com 300 mil mulheres em 24 países, as mulheres trabalhadoras brasileiras apresentam as maiores diferenças de salário com relação aos homens, passando dos 34 por cento. Na Polônia, não chega a dois por cento

Esta diferença passa para 30 por cento se for pelo estudo feito pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento. Em 18 países da América Latina pesquisados, a média é de 17,2 por cento. Na Guatemala e Bolívia, homens e mulheres, em princípio, ganham igual.

Tec/ BG mulher rendeira

 Pesquisa do intersindical Dieese revela. Em São Paulo, a cidade mais rica da América Latina, o homem ganha 8 reais e 94 centavos por hora. A mulher, 6 reais e 72 centavo. Já em Salvador, na Bahia, a diferença diminui, mas o homem homem baiano ganha menos do que a mulher paulista. Seis reais e 50 centavos. A mulher baiana, 5 reais e 54 centavos por hora trabalhada fora de casa.

 Tec/ Bg mulher rendeira

 Loc/ A taxa de desemprego da mulheres, na média brasileira, é 62 por cento maior que a dos homens. 7,6 contra 4,7 por cento. No total dos desempregados, 57,6 por cento são mulheres. Mesmo que elas apresentem, em média, dois anos de estudo a mais do que os homens. Acontece que isto não tem adiantado. Quanto maior o nível escolar da mulher, maior a diferença salarial com o homem. Quanto os dois têm curso superior completo, o salário médio inicial do homem é de 3 mil 261 reais e 13 centavos. O da mulher, 1 mil 956 reais e 74 centavos, ou 40 por cento a menos.

Tec/ Bg mulher rendeira

Acontece que a mesma pesquisa do Caged, que é o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho e Emprego, a situação, no lugar de melhorar, tem piorado. No final do ano 2003, as mulheres recebiam, em média, 91,8 por cento do salário dos homens. No final do ano passado, caiu para 85,3 por cento, ou seja, aumentou a diferença.

 Tec/ Bg mulher rendeira

E só para fechar a prosa de hoje. A mulher é diferente do homem. Começa pelo salário. Mesmo assim, e esta fica para amanhã, ela tem uma participação muito importante na economia brasileira. E não falo só da mulher chefe de família, não. É mais do que isso.

Entáo, tá.

Inté e Axé


MULHER DE RENDA

Eduardo Mamcasz

Título:

Renda da mulher sobe50% a mais do que a do homem

Chamada:

Segundo pesquisa do IBGE, enquanto o rendimento médio doshomens, nos últimos dez anos, aumentou 43,1%, o das mulheres foi de 68,2%, oque significa a injeção de R$693,5 bilhões na economia brasileira.

Clique e Ouça

http://www.radioagencianacional.ebc.com.br/materia/2012-03-05/em-dez-anos-renda-da-mulher-sobe-50-mais-do-que-do-homem

Script:

Tec/ Vinheta AberturaTrocando em Miúdo

Tec/ BG MulherRendeira – Cida Moreira

Loc/ Na voz de Cida Moreira, a gente começa a prosadesta Semana Internacional da Mulher falando de renda. Eu falei semana. Um diaé pouco. E começo falando de coisa boa. Pesquisa Nacional por Amostra deDomicílio. PNAD do IBGE. Desde o ano de 2002, o rendimento da mulher tem subidobem mais do que a renda do homem. 68,2 contra 43,1 por cento. Ou quase, quase50 por cento a mais.

Tec/ BG … tu me ensina a fazer renda ….

Loc/ Se a gente pegar, nos últimos dez anos, tudo oque as mulheres ganharam, pula dos 400 para os 693 bilhões de reais.   Então,veja bem, a economia brasileira na verdade está precisando cada vez mais doque? De mulher. Isto mesmo. Acertaste. E aqui começa o outro lado da prosa dehoje. Elas tiveram que sair de casa e ir à luta. Inclusive, estão estudandomais do que os homens.

Tec/ BG … olê, mulher rendeira …

Loc/ Pesquisa feita pelo Data Popular comprova queestá faltando é que a mulher da classe D, a pobre,  receba mais do que  940 reais por mês. Na parte de cima dapirâmide social, na classe A, a mais chique, a renda familiar da mulher pulapara 14 mil e 203 reais. No meio, na classe média, a chamada B, a renda é deseis mil e setenta reais. Em compensação, é a mulher da nova classe médiapobre, a C, quem fornece a maior parte da renda bilionária feminina. 47,1 porcento, com renda familiar média de 2 mil e 295 reais mensais.

Tec/ BG … mulher, mulher rendeira, mulher , mulherrendá …

Loc/  Resultadoprático desta prosa de hoje. As mulheres estão indo cada vez mais à luta naeconomia. Escuta esta. Síntese dos Indicadores Sociais, análise das condiçõesde vida da população brasileira. IBGE. Nos últimos dez anos, aumentou oito porcento o número de mulheres que estão deixando para engravidar, ter filhos, sódepois que se aprumar no estudo e arrumar um trabalho de verdade. Em estudos, amédia das mulheres é de dois anos a mais do que a dos homens.

Tec/ BG de passagem

Mais IBGE. Dos 62 milhões de arranjos familiares no Brasil,15,2 por cento são de casais sem filhos. Em Santa Catarina, pula para quase 20por cento. Tem até um nome para isso. Família DINC. Double income no kids. Semfilhos, renda em dobro. Entre os motivos, a prosa de hoje. A inserção da mulherno mercado de trabalho, na economia, na sociedade pós industrial e pós moderna.

Tec/ BG mulher rendeira…

Então, por hoje a gente fica na pesquisa apontando quea mulher, num ambiente de trabalho, ela traz mais produtividade no pedaço eaumenta o lucro da empresa, porque são melhores do que os homens em trabalhosde equipe.

Daí, para a prosa de amanhã, é um pulo só. BancoMundial. Se homens e mulheres tivessem oportunidades iguais no mercado detrabalho, a produtividade da economia, na América Latina, seria 16 por centomaior.

Então, tá.

Amanhã, a prosa é sobre a diferença que existe entrehomem e mulher.

Inté e Axé

Tec/ Vinheta de Encerramento


Antes de responder me escute:

http://snd.sc/pJRh0o