Era uma vez o menino cordeiro 

Filho da ovelha bendita Maria

Adotado pelo marceneiro  José.

*

Em berço de palha é embalado

 Na manjedoura de ida vindoura

Ao ponto da falha na vida afiada.

*

Ai que saudades do leito que vai

 E do berço que vem em nome do

Filho dos mil Noéis deste mundo.

 *
Para me ouvir, clique abaixo
 

https://soundcloud.com/#mamcasz/feliz-nova-era-by-mamcasz

Feliz Nova Hera by Mamcasz]

Do então cordeiro não mais bebê

 Na toalha se vê o rapaz tão bonito

Na cabeleira a coroa de espinhos.

*

Bendito Cristo menino que berra: 

 Quero mais ouro, incenso e mirra

Extraídos dos magos reis mágicos.

*

Quero a estrela que seja só minha

 Na manjedoura em que escolherei

Meu tesouro de presente natalino.

*

Quero mesmo uma festa  tri-legal

 Porque sou  filho da ovelha Maria

Pai desconhecido etecétera e tal.

*

Quero firmado no meu testamento

 Que neste dia o mundo me deseje

Até no pensamento um Feliz Natal!

*

Para você também

 Fagulhe o incenso

 Um cheiro de vida.

*

Muito ouro e mirra

 No ano que aí vem

 Na mira de alguém. 

Amém.

*

Feliz  Nova  Era  (2013)

*

Para 2012, clique abaixo

https://mamcasz.com/2011/12/29/happy-new-2012/

Para 2011, clique abaixo

https://mamcasz.com/2010/12/15/2011/

Para 2010, clique abaixo

https://mamcasz.com/2009/12/28/happy-chistmas-proce-throughout-all-the-days-of-2010/

( Eduardo Mamcasz – Poeta Quase Zen )

Natal 04 by Mamcasz

 

There was once a boy lamb

Sheep son of Mary Blessed

Adopted by cabinetmaker Joseph.

*

In cradle of straw is packed

 On the way to come manger.

*

Oh how I miss going to bed

And the cradle that comes in the name of

Son of the thousand Noéis this world.

*

 Von dann nicht mehr Baby Lamm

Das Handtuch den Jungen gesehen, so schön

Haare auf der Dornenkrone.

Selig Christ Kind, das schreit:

*

Wollen mehr Gold, Weihrauch und Myrrhe

Von den Magiern Könige Magie extrahiert.

*

Ich möchte der Star mein eigenes sein

 In der Krippe auf diesem Pick

Meine wertvollen Weihnachtsgeschenk.

Natal 03 by Mamcasz 

 

 Je veux vraiment un parti tri-légal

 Parce que je suis le fils de Marie moutons

Père inconnu et ainsi de suite et ainsi de suite.

*

Je me suis inscrit dans mon testament

 À ce jour, je voudrais que le monde

Même en pensée un Joyeux Noël!

*

Ciebieteż

Kadzidłofagulhe

Zapachżycia Bardzozłotoimirrę.

*

Rok, którynadchodzi

Nawidokkogoś.

*

 

Natal 02 by Mamcasz

 

(mais…)

Anúncios

Acabo a faxina do lar.  Enquanto madame sorve o café e as notícias do dia,  à cama.

Preparo a mesa. Menu do dia: ENTRE O DESEJO E O SER.

Ao som de “As rosas não falam”, com Cartola, ninguém mais.

Peço uma pausa para madame e declamo, bem cândido:

“Porque hoje é sábado”, com Vinicius de Moraes.

E pensar que este sábado, cá na ilha, está começando…

Um bom final de semana, gente.

http://www.youtube.com/watch?v=te2HfDsXcXs

Um beijo, dona Zica, a quem fui apresentado na casa rosa, Mangueira, por Macalé.

Maninha é testemunha. Madame a meu lado. E Zica: ela tem uma cara de santa…

Já Cartola, beijei a mão dele num show na ABI, eu, um estagiário mequetrefi do O Jornal.

Os jornalistas coroas tremeram na base da vergonha.

Que nem quando dei uma maçã para a Clementina de Jesus, num show em Brasília.

– Su sou o teu Adão!

E por que hoje é sábado, hein?

Uai, Why, quer dizer, Because

Há uma ariana e um polaco.

Há uma mulher dentro de um homem.

Porque hoje é sábado.

 

http://letras.mus.br/vinicius-de-moraes/86516/


China e India, apesar do então todo poderoso Império Romano, quando Cristo ainda vivia na Palestina, dominavam o PIB do mundo de então. Falo da riqueza e da população, 2012 anos passados. A India era a maior, comandando um terço da economia mundial. A China ficava com outra parte. Para o restante do mundo, restava a metade da riqueza dos dois.Quanto à China, na verdade ela volta a ser, hoje, o que era no ano um de Cristo.

PARE. OLHE. ESCUTE. PASSE.
 
Clique

http://blogdoroubo.blogspot.com.br/2012/07/maior-pib-do-mundo-no-tempo-do-cristo.html

 


Today, Saturday Halelluya, is the day of vengeance, hatred overflowed, the lynching of a man called Judas, one of the twelve apostles of Christ beloved, who betrayed him. Judas, in fact, is not the devil, but an angel. Not the sinner but a saint. There is a traitor, then he, the treasurer of the group of fishermen judios subversivs of Nazareth. Happy Easter, St. Jude.

Hoje, Sábado de Hallelluya, é dia da vingança, do ódio extravasado, do linchamento de um cara chamado Judas, um dos doze amados apóstolos do Cristo, a quem traiu. Judas, na verdade, não é o diabo, mas um anjo. Não é o pecador, mas um santo. Não é o traidor, logo ele, o tesoureiro do grupo de pescadores judios subversivos de Nazaré. Boa Páscoa, Santo Judas.

 Heute, Samstag Hallelluya, ist der Tag der Rache, Hass übergelaufen, das Lynchen von einem Mann namens Judas, einer der zwölf Apostel von Christus geliebt, der ihn verriet. Judas in der Tat, ist nicht der Teufel, sondern ein Engel. Nicht der Sünder aber ein Heiliger. Es ist ein Verräter, dann ist er, der Schatzmeister der Gruppe von Fischern Judios subversivs von Nazareth. Frohe Ostern, St. Jude.

 Pintura de Debret, Malhação de Judas,  no Rio Colônia, anos 1800.

 Vestibulum dignissim Hallelluya, dies ultionis, odio inundaverunt et viri lynching vocabatur Iudas unus de duodecim apostolos Christi dilecti, qui et tradidit illum. Iudas enim non diaboli est angelus. Sed non peccat, sanctus. Est proditor ille, arcarius globo piscatores judios subversivi Nazareth. Beatus Pascha, sanctus Jude.

 Leo, Jumamosi Hallelluya, ni siku za adhabu, chuki ukifurika, lynching ya mtu aliyeitwa Yuda, mmoja wa wale kumi na wawili wa Kristo mpendwa, ambaye alimsaliti Yesu. Yuda, kwa kweli, si shetani, lakini malaika. Si mwenye dhambi lakini saint. Kuna msaliti, basi, mweka hazina wa kikundi cha wavuvi judios subversivs wa Nazareti. Furaha ya Pasaka, St Jude.

Judas beijando Cristo na boca para identificar o “elemento” aos meganhas judio-romanos, maior balela. O “cara”, dito Jesus, filho de Maria, casado com outra, a Madalena, cheio de irmãos de vários pais, era conhecido por demais no pedaço, não precisava de beijo coisa nenhuma.

E por que então esta fama de Judeu Maldito na costas só do Judas Iscariotes?

Simples. Quer dizer, agnóstico. Ops. GNÓSTICO. ‘It`s so different, babe. Ou seja, complicado para mentes primárias. Judas é o escolhido por Jesus para que, mesmo às custas da salvação eterna, as profecias sejam cumpridas, ele se desfaça do corpo carregado e voltasse à divindade, depois de passar pela prisão, tortura e morte que nem bandido comum, na cruz.

Portanto, Judas é o escolhido de Cristo. No livro, depois filme, a Última Tentação de Cristo, ouve-se a “conversa”entre criado e criador, tirado, aliás, do Evangelho de Judas, descoberto no deserto:

– A mim coube a parte mais fácil, Judas – diz Cristo – que é a de ser crucificado, mas a ti coube a mais difícil, que é ser o traidor, por isso te confio esta missão, pois és um cara iluminado.

Aliás, o mago Paulo Coelho, antes de trair o Raul Seixas, com ele fez a letra na boca do Judas:

– Se eu não tivesse traído/ morreria cercado de luz/ e o mundo não teria/ a marca da cruz/ e para provar que me amava/ pediu outro gesto de amor/ pediu que o traísse com um beijo / que minha boca então marcou.

Tem mais ainda. O mestre Chico Xavier, no espírito de Humberto de Campos, confirma o fato e completa com o ato reprimendatório:

– Há muitos séculos Cristo está sendo criminosamente vendido no mundo, a grosso e a retalho, por todos os preços e em todos os padrões de ouro amoedado, com a única diferença de que os novos negociadores cristãos não se enforcam depois de vendê-lo.

Pois terminemos então com a malhação do Santo Judas Iscariotes. Costume trazido pelos portugas e seguidos por aborígenes e negros escravos.

 Na verdade, a malhação de Judas vem da Santa Inquisição, da Santa Madre Igreja. Na Idade Média, a maior fonte de pecado, na forma de torturas  inimagináveis. Sem contar os genocídios cometidos pelos Santos Cruzados.

E por que a malhação do boneco de palha que acaba queimado na fogueira?

Simples, meu Santo Mané.

Na Santa Inquisição, quando acontecia de um Santo Herege dar no pé, escapulir, o Santo Padre o Papa, em nome do Santo Cristo, mandava queimar, no lugar do verdadeiro, um boneco de infiel na fogueira. Só para o povo pensar, quer dizer, Zé Povinho não pensa coisa nenhuma, mas, terminando, só para o povinho pensar que Judas na verdade é uma traidor e merece morrer na Santa Fogueira.

Pintura anônima do século XII 

E antes de sair malhando hoje  um desafeto qualquer por aí, veja e ouça a Elegia ao Santos Judas, com Paulo Coelho e Raul Seixas:

http://www.youtube.com/watch?v=zL51SCxMvYQ

Boa Páscoa.